segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

A Vidente - Hannah Howell

Estamos no século ,na Inglaterra georgiana
Como todas as gerações de sua família,Chloe Wherlocke possui habilidades especiais,e o seu dom é ver além da visão física.Em 1785 ela prevê a morte de uma mulher de acabara de dar a luz e toda uma trama para atender a motivos escusos.Ao encontrar uma criança abandonada para morrer ao lado do corpo da mãe,ela salva o bebê e o cria escondido do mundo.Fazia isso por amor,mas talvez houvesse neste gesto alguma força do destino...
Com o passar dos anos,Chloe descobriu que o encontro com a criança,não havia sido uma simples coincidência,e percebeu,pouco a pouco, um desenrolar de acontecimentos que envolviam todos os membros de sua família num jogo de traições,mentiras e assassinatos.
Consiente de tudo, ela precisa ser rápida para salvar a vida do pai do menino,conde Julian Kenwood,e avisá-lo que o filho não morreu.Mas,ao se aproximar da familia Kenwood, ela percebe que seu sentimento de proteção por Julian se transforma enquanto a cada momento tudo fica mais perigoso 

Esse livro conta a história de Chloe Wherlocke,Julian Kenwood e Leopold Wherlocke,que se conhecem devido ao grande dom de Chloe de prever o futuro.Com esse dom ela acaba salvando um bebê que foi deixado para morrer,sobre o corpo de sua irmã moribunda,mas felizmente ela consegue salvar a criança e cria ele como se fosse seu próprio filho.Quando percebe que o pai do menino está em perigo constante ela e Leopold se despõem a garantir que ele esteja vivo para saber de toda a verdade.
Quanto mais tempo Julian passa junto de Chloe mais e mais ele se apaixona pelo sue jeito meigo de ser.Toda verdade vem a tona e Julian sabe quem o quer morto e o porque e decide que vai dete-lo a todo custo para que não coloque sua família em perigo.
Bom esse livro foi uma das minhas melhores leituras de dezembro até agora,ele é um MIX de amor,aventura,perigo e traição.Ele tem umas partes bem picantes,quando fui procurar por ele nos sites por ai,ele estava como CONTEÚDO ADULTO o que me foi muito surpreendente pois ele não chega a tanto acho até que é menos picante do que 50 tons de cinza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário